Pesquisa
Plataforma de Apoio a Gestão Estratégica - PAGE/UCB

Projeto: Qualidade das Instituições e Interação entre as Políticas Fiscal, Monetária e Macroprudencial em uma Economia Aberta

Coordenador(a): JOSE ANGELO COSTA DO AMOR DIVINO
Vigência: 23/01/2020 a 28/02/2025
Situação: Ativo
Programa/Curso: Programa Stricto Sensu em Economia
Escola: Escola de Humanidades, Negócios e Direito
Agência: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
Edital: CNPq N º 06/2019 - Bolsas de Produtividade em Pesquisa
Chamada Chamada CNPq N º 06/2019 - Bolsas de Produtividade em Pesquisa
Resumo:
A adoção de políticas macroprudenciais por países desenvolvidos e emergentes intensificou-se a partir da crise financeira internacional de 2008, que estimulou práticas não-convencionais para as políticas fiscal, monetária e macroprudencial. Contudo, a modelagem da política macroprudencial em um ambiente de economia aberta e integrado com as políticas fiscal e monetária ainda é pouco explorada na literatura que usa o arcabouço DSGE (Dynamic stochastic general equilibrium) como instrumental analítico. O papel desempenhado pela qualidade das instituições na condução e interação dessas políticas também carece de investigação. Esse projeto de pesquisa busca sanar essas lacunas por meio do desenvolvimento de quatro estudos interdependentes. Especificamente, os estudos empregam a modelagem DSGE para tratar da interação entre as políticas fiscal, macroprudencial e monetária em um ambiente de economia aberta ampliado para considerar elementos de qualidade institucional e aplicado ao caso da economia brasileira. O primeiro estudo investiga como a combinação de uma política monetária baseada em regras para a taxa de juros e política macroprudencial baseada em exigências de recolhimento compulsório pode afetar a dinâmica de uma pequena economia aberta com fricções financeiras sob choques discricionários alternativos. O segundo estudo amplia o modelo DSGE proposto para incorporar uma política fiscal não-Ricardiana, visando analisar as interações entre as políticas macroprudencial, monetária e fiscal e os canais de transmissão ao lado real e setor financeiro de uma pequena economia aberta. O terceiro estudo incorpora fricções financeiras e rigidezes nominais e investiga como os choques discricionários nas políticas monetária e macroprudencial são transmitidos ao setor financeiro e ao lado real da economia, como essas políticas interagem entre si e quais são seus canais de transmissão. Por fim, o quarto estudo explora a relação existente entre qualidade institucional e o desempenho das políticas macroeconômicas na economia brasileira, focando nas propriedades cíclicas dessas políticas no período pós-plano Real. Especificamente, investiga como mudanças na qualidade institucional podem afetar o comportamento cíclico das políticas fiscal, monetária e macroprudencial. As aplicações empíricas empregarão técnicas bayesianas ou método de Markov-Switching aos dados da economia no período recente, após a edição do plano Real.
Equipe:
1 - CARLOS ALBERTO TAKASHI HARAGUCHI - Aluno
2 - DANÚBIA RODRIGUES DA CUNHA - Aluno
3 - JOSE ADEILSON FRANCISCO DA SILVA - Aluno
4 - JOSE ANGELO COSTA DO AMOR DIVINO - Pesquisador Interno
5 - RENATO SCHWAMBACH VIEIRA - Pesquisador Interno
6 - ROBSON DOUGLAS TIGRE SANTOS - Pesquisador Interno
7 - URBANO LOPES DE SOUSA NETTO - Aluno
8 - WILFREDO SOSA SANDOVAL - Pesquisador Interno
Orçamento Aprovado:
BolsasR$ 52.800,00
Material de ConsumoR$ 48.000,00
Valor TotalR$ 100.800,00
Ir para o menu
Parceiros da UCB
  • FIES
  • Universa
  • Periodicos Capes
  • ProUni
Redes dos cursos
Encontre tudo
Redes sociais da UCB
Universidade Católica de Brasília
Campus I - QS 07 Lote 01 EPCT, Águas Claras - CEP: 71966-700 - Taguatinga/DF - Telefone: (61) 3356-9000
Campus Avançado Asa Norte - SGAN 916 Avenida W5 - CEP: 70790-160 - Brasília/DF - Telefone: (61) 3448-7134
Campus Avançado Asa Sul - SHIGS 702 Conjunto 2 Bloco A - CEP: 70330-710 - Brasília/DF - Telefone: (61) 3226-8210
Quem faz? Webadvisor WEBADVISOR